Saúde de Paulínia entra em colapso e Prefeitura abre mais leitos de UTI para Covid-19

Administração lança Plano Emergencial de Combate ao coronavírus no município

Em face ao iminente colapso na Rede Municipal de Saúde, a Prefeitura de Paulínia, por meio da Secretaria de Saúde, informou que ampliou de 14 para 20 a capacidade de leitos da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Municipal, destinados exclusivamente para Covid-19.

A Administração Municipal ressalta ainda que funcionários da saúde foram remanejados para atender pacientes com Covid-19 e que tem buscado junto ao Governo do Estado de São Paulo a ampliação de leitos. Por ora, as cirurgias eletivas também foram canceladas.

Uma nova campanha com foco na conscientização da população referente a gravidade da situação será lançada.

“Infelizmente, não tivemos outra saída. A situação é alarmante e exige uma ação unificada de todos nós. Estamos cansados da pandemia e de suas restrições, mas no momento não temos outra coisa a fazer. Desde o início da pandemia, fizemos investimentos importantes como dobrar a capacidade de leitos de UTI, contratamos médicos e enfermeiros, compramos respiradores e estamos dispostos a comprar vacina para imunizar o quanto antes toda população. Porém, precisamos da sua ajuda. Somente JUNTOS, vamos passar pelo pior momento da pandemia desde seu início. Não esqueça de USAR máscara, use e abuse do álcool gel e só saia de casa quando realmente for necessário. Se Deus quiser, logo tudo isso vai passar!” disse o prefeito Du Cazellato através de suas redes sociais.

Antecipação da fase vermelha

A Prefeitura de Paulínia anunciou que entrou na Fase Vermelha do Plano São desde quinta-feira (4) se antecipando à determinação do Governo Estadual. A medida foi adotada por conta do crescente número de casos de Covid-19 e pela elevada ocupação de leitos de UTI em todo o Estado. Nesta fase, apenas os serviços essenciais podem funcionar no município, conforme determina o Decreto Municipal 7990 de 3 de março de 2021, publicado no Diário Oficial 1597.

O documento na integra pode ser lido aqui: www.paulinia.sp.gov.br/uploads/semanarios/1597.pdf