Paulínia terá barreiras sanitárias até domingo (6)

Na primeira vez que a cidade realizou a medida, 851 pessoas foram cadastradas e 690 veículos foram abordados


Entre quinta-feira (3) e domingo (6) Paulínia terá barreiras sanitárias em diversos pontos da cidade. Todos os veículos que forem abordados serão cadastrados e os ocupantes receberão materiais informativos e álcool em gel.

A ação é realizada em conjunto pelos 20 municípios da Região Metropolitana de Campinas, com o objetivo de evitar a circulação de pessoas de outras cidades. A Guarda Civil Municipal será responsável pelas barreiras.

Na primeira vez que a cidade realizou a medida, 851 pessoas foram cadastradas e 690 veículos foram abordados.

Primeiras barreiras

No mês de março foram realizadas barreiras sanitárias durante 11 dias, onde foram abordadas 851 pessoas e 690 veículos.

A Guarda Civil, Defesa Civil e Vigilância Sanitária atuaram em conjunto nas barreiras, que ocorreram nos principais acessos de Paulínia. A média de idade das pessoas abordadas na época foi de 40 anos, sendo que 119 confirmaram já ter tido Covid-19.

Todos receberam álcool em gel, material educativo sobre o novo coronavírus e foram cadastrados pela Guarda Civil Municipal.