Com aprovação da Câmara, centro de Paulínia será revitalizado

A Secretaria de Obras planeja desenvolver o espaço para comércios, food trucks, áreas de convívio e bolsão de estacionamento

Os vereadores de Paulínia permitiram, durante duas sessões extraordinárias realizadas na terça-feira (8), à administração municipal a ceder uma área na região do Monte Alegre a uma empresa e, em troca, ficar com imóvel ao lado do Museu Histórico Municipal e da Igreja São Bento, entre a avenida José Paulino e a rua Oscar Seixas de Queiroz. O projeto deve ser sancionado pelo prefeito Du Cazellato (PL) nos próximos dias.

De acordo com a Prefeitura, isso ajudaria a revitalizar a área central de Paulínia, hoje com terrenos abandonados. A Secretaria de Obras planeja desenvolver o espaço para comércios, food trucks, áreas de convívio e bolsão de estacionamento.

A proposta não estava na pauta, mas foi incluída a partir de um grupo de parlamentares, em requerimento apresentado ao presidente, vereador Antônio Miguel Ferrari, o Loira, do DC. Acabou aprovada em primeira e segunda discussão.

Os vereadores Fábio Valadão (PL), Danilo Barros (PL), Edilsinho Rodrigues (Solidariedade), Zé Coco (PSB) e Marcelo Souza (PSB) destacaram a importância do Projeto de Lei 77/2020, autorizando a permuta de imóveis. Com informações do portal Notícias de Paulínia.

© 2020 Jornal de Paulínia