top of page

Lula assina piso salarial para profissionais de enfermagem

Piso salarial é uma reivindicação dos profissionais de enfermagem desde o final do ano passado


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou o Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN) que garante o pagamento do piso salarial dos trabalhadores da enfermagem.

Com o novo piso, a previsão é que os enfermeiros recebam a partir de R$ 4,7 mil; técnicos de enfermagem, no mínimo, R$ 3,3 mil; e auxiliares e parteiras, R$ 2,3 mil.

O reajuste vale para enfermeiros, técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras do setor público, de entidades filantrópicas e de prestadores de serviço com atendimento mínimo de 60% de pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

A medida atende a uma solicitação antiga da categoria que realizou uma série de manifestações cobrando um reajuste salarial. A discussão vem desde o governo de Jair Bolsonaro (PL), mas foi suspensa pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

A medida abre uma previsão orçamentária de R$ 7,3 bilhões para pagar os salários da categoria.

“O ato do presidente Lula ao encaminhar essa medida para garantir o piso é um momento essencial. A repartição desses recursos é o compromisso com o SUS e com a valorização da categoria da enfermagem”, disse a ministra da Saúde, Nísia Trindad

Comentários


bottom of page