João Basílio e Peterson de Mello são reconhecidos como Cidadãos Paulinenses

Vereador Zé Coco entregou placas comemorativas aos dois novos cidadãos do município



Dois nomes conhecidos na cidade, principalmente pelos moradores mais antigos, tiveram a trajetória reconhecida com títulos de Cidadão Paulinense: o senhor João Basílio Moreira, de 88 anos, e o judoca e professor Peterson de Mello, de 43 anos. A homenagem foi aprovada pela Câmara, com base em proposta do vereador Zé Coco (PSB).

João Basílio viu o município crescer e fez história com sua “bonequinha” desfilando nos carnavais paulinenses. Nascido em Pouso Alegre (MG) em 1932, chegou em Paulínia aos 18 anos de idade, quando o pai, Sebastião Basílio Moreira, passou a trabalhar na Fazenda São Francisco (comprada pela Rhodia). Ele também trabalhou no local e, mais tarde, casou-se com Maria Júlia Moreira. O casal teve dez filhos.

O homenageado prestou serviços à Prefeitura a convite do então prefeito José Lozano Araújo e atuou em diversos setores do governo municipal, ajudando em eventos como Carnaval e Festa do Peão, até se aposentar.

Peterson de Mello conquistou vários títulos como atleta: foi campeão paulista por seis vezes, além de campeão de Copa do Brasil, e conquistou medalha de bronze em um Mundial, dentre muitas outras vitórias, representando Paulínia e outras cidades paulistas. Hoje, passa seus conhecimentos a alunos da academia Clip.

Ele nasceu em Itapira (SP), em 1977, e mora em Paulínia desde 2007. É casado com Carolina Trevenzoli Gomes de Mello e pai de Henry e Matheus. Formado em Educação Física na UniFaj em Jaguariúna, estudou no instituto Kodokan Tokyo Japão e foi dono de uma empresa elétrica.

Zé Coco entregou placas comemorativas aos dois novos cidadãos do município. Para o vereador, é muito importante reconhecer em vida o trabalho de pessoas que contribuíram com a história da cidade.

© 2020 Jornal de Paulínia