Prefeitura e Pauliprev formalizam acordo para parcelamento de dívida milionária

A dívida trata sobre contribuição da folha de pagamento e auxílio doença, que os ex-prefeitos não repassaram



Na tarde de terça-feira (11), o prefeito Du Cazellato assinou o acordo de parcelamento da dívida patronal contraída entre Prefeitura de Paulínia e Pauliprev (Instituto de Previdência dos Funcionários Públicos de Paulínia) nos anos de 2014, 2015 e 2016. O valor de R$ 72 milhões, já com juros e correções, será parcelado pela Administração Municipal, atendendo a uma recomendação do Ministério Público e apontamentos do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. A dívida patronal trata sobre contribuição da folha de pagamento e auxílio doença, que os ex-prefeitos não repassaram a Pauliprev. "Mais um passo para garantir o futuro dos servidores atuais e também daqueles que já contribuíram com Paulínia, dando tranquilidade para que possam desfrutar de suas aposentadorias em paz", comentou o prefeito de Paulínia, Du Cazellato. O diretor presidente, André Breda; as presidentes dos Conselhos Administrativo, Sandra Ariadne e Fiscal, Ligian Kalvon, da Pauliprev e os secretários de Finanças, Nicholas Baccarin e de Transportes, João Victor e o contador Lucas de Paula Oliveira, participaram da reunião.