Casos de dengue em Paulínia caem 86% em comparativo com 2019


No mês de junho, o município registrou apenas três casos da doença, no mesmo período do ano anterior a cidade teve 96 casos

No mês de junho, Paulínia registrou mais uma vez de queda nos casos de dengue, com apenas três casos da doença. No mesmo período em 2019, a cidade teve 96 casos. Comparando os dois meses, a queda é de 86%.

Entre janeiro e maio deste ano, Paulínia já havia registrado uma queda de 84% nos casos de dengue quando comparado ao mesmo período de 2019, não registrando nenhum óbito pela doença.

Os trabalhos de prevenção e combate ao mosquito Aedes aegypti são de responsabilidade da Unidade de Controle de Vetor (UCV) da Secretaria Municipal de Paulínia, que desde outubro intensificou as ações de conscientização.

A UCV também está agindo em parceria com a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos, realizando mutirões nas regiões com maior incidência de casos.

Outra ação realizada com frequência são visitas em pontos estratégicos. Nos últimos meses passaram pelos bairros: Bom Retiro, Cooperlotes, Monte Alegre, José Paulino Nogueira, Vila Bressani, Presente Médici, Jardim Flamboyant (Nosso Teto).

Munícipes também podem ajudar no combate à dengue, denunciando criadouros do mosquito Aedes aegypti, pelo telefone: 19 3874 3382.