Rapaz de 22 anos, morador de Paulínia, morre afogado na Represa do Salto Grande

O afogamento aconteceu na tarde de sábado (28) e o corpo só foi encontrado na terça-feira (31)



Na manhã da última terça-feira (31), o Corpo de Bombeiros encontrou na Represa do Salto Grande, em Americana, o corpo de um rapaz de 22 anos, que havia desaparecido na tarde de sábado (28). O jovem era morador de Paulínia e, segundo relato dos familiares ao jornal O Liberal, tinha histórico de depressão. Um grupo de voluntários que auxiliava na busca avistou o corpo do rapaz na manhã de terça.

De acordo com a corporação, uma equipe fazia a busca submersa, quando, o corpo sem vida foi visto pelos voluntários em um local distante de onde afundou, flutuando, o que teria facilitado a localização.

Testemunhas acionaram a corporação no sábado, relatando que havia uma vítima de afogamento na represa. Segundo os bombeiros apuraram no local, o rapaz chegou de carro na região da Fazenda Saltinho, perto do limite com Paulínia. Ele deixou suas coisas com alguns pescadores e pegou emprestado um caiaque as margens do curso d’água.

Momentos depois, os pescadores ouviram um grito e notaram que o rapaz havia sumido. Mergulhadores dos bombeiros fizeram as buscas desde o sábado. O trabalho era suspenso no fim da tarde e retomado todos os dias pela manhã, de acordo com o Corpo de Bombeiros, que ressaltou a dificuldade da procura. A profundidade da represa varia entre 5 e 7 metros e a visibilidade é comprometida devido aos aguapés. As informações são do jornal O Liberal.