Rhodia fecha 2019 com redução de 96% de carbonos no polo industrial de Paulínia

O total abatido equivale a retirar de circulação uma frota de 920 mil veículos movidos a gasolina


A Rhodia (Grupo Solvay) fechou 2019 com um índice de 96% de redução de suas emissões de carbono no conjunto industrial químico de Paulínia, onde funcionam 27 unidades produtivas. O total abatido equivale a retirar de circulação uma frota de 920 mil veículos movidos a gasolina. A empresa vai iniciar em 2020 um investimento de R$ 20 milhões em projetos com objetivo de tornar o conjunto industrial de Paulínia 100% neutro em carbono até 2025. “Poderíamos comprar créditos de compensação para alcançar os 100%, mas a decisão da empresa é investir cada vez mais em projetos voltados para ampliar a sustentabilidade dos nossos processos e produtos”, diz Daniela Manique, presidente do Grupo Solvay na América Latina.