Tribunal de Contas aponta agilidade em atendimentos no Hospital Municipal

06.12.2019

Fiscalização pontuou agilidade para idosos e pessoas com necessidades especiais, além de médicos presentes em todas as especialidades 

 

 

A IX Fiscalização Ordenada do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) atingiu 299 unidades públicas de saúde (UPASs, UBSs e Hospitais) de 229 municípios paulistas, no último dia 26 de outubro.  De acordo com o TCE, a fiscalização “in loco” avaliou os seguintes pontos: qualidade do atendimento; satisfação do usuário, por meio de entrevistas; controle de presença de médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde; condições de armazenamento e dispensação de medicamentos; condições físicas do local (acessibilidade, limpeza, conforto e sinalização) e de equipamentos; descarte de resíduos hospitalares. Ainda segundo o órgão, o trabalho mobilizou 322 agentes de fiscalização, que chegaram de surpresa nos locais visitados.

Em Paulínia, o alvo da fiscalização foi o Hospital Municipal (HMP). O portal de notícias Correio Paulinense teve acesso ao relatório produzido por Karin Figueiredo Loffler, responsável pela visita surpresa ao HMP. No documento, a agente do TCE-SP aponta fatores negativos e positivos encontrados no hospital. 

Segundo a agente, o atendimento é cordial, organizado e preferencial somente para idosos acima de 60 anos. “O atendimento pela recepção é praticamente imediato. E para ser atendido pela equipe de triagem uma média de 10 minutos”, afirma Loffler. As condições da sala de espera foram consideradas boas.  

O documento atesta que o HMP garante acessibilidade às pessoas com necessidades especiais,  tem médicos em todas as especialidades que oferece (Clínica Médica, Pediatria, Ortopedia, Cirurgia e Ginecologia) e, que  pacientes com Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela recebem atendimento diferenciado. Os banheiros, segundo o relatório, foram encontrados em “boas condições de assepsia” e “adequados” para portadores de deficiências. 

Entrevistados pela agente de fiscalização do TCE-SP, usuários apontaram a “demora no atendimento” como um dos principais problemas do HMP. O relatório aponta que o paciente leva, em média, duas horas para ser atendido, e passa apenas 10 minutos na sala do médico. O grau de satisfação da população ficou entre “regular” e “ruim”.

Durante a fiscalização, Loffler registrou um homem deitado na calçada, aguardando o resultado dos exames que havia feito.  “O paciente foi atendido, medicado e realizou exames. Todavia, sua filha relatou que estavam há, aproximadamente, 4 horas aguardando o resultado dos exames. Nesse período, o efeito da medicação passou e ele voltou a ter fortes dores abdominais. A filha comunicou uma enfermeira sobre a volta das dores e recebeu como resposta que deveria continuar aguardando. Com fortes dores e não suportando se manter sentado, foi se deitar na calçada para aguardar. Então, após serem comunicados do que estava ocorrendo, uma funcionária do hospital foi conversar com ele e o conduziu para dentro do pronto socorro”, relatou a agente.

O controle biométrico de presença de médicos, enfermeiros e outros profissionais do HMP também foi aprovado. “Existem 2 pontos eletrônicos. Um para os servidores estatutários e outro pelos contratados pelo Cismetro (Consórcio Intermunicipal de Saúde)”, afirma o documento. No momento da fiscalização, médicos, sendo 7 Clínicos Gerais, 3 Pediatras, 1 Ortopedista, 1 Cirurgião e 2 Ginecologistas, e enfermeiros se encontravam em seus postos de trabalho, bem como as escalas de trabalho visíveis ao público. 

A fiscalização não encontrou medicamentos com prazo de validade vencido no HMP, mas detectou remédios (Dapsona 100 mg, Rifanpicina + isoniazida e Thyopentax, entre outros) com prazo de validade inferior a trinta dias.  A agente destacou que “O controle (do estoque de medicamentos) é manual. Não há um sistema informatizado”.  A forma de armazenamento de medicamentos comuns e de uso controlado foi aprovada. 

Equipamentos quebrados, à espera de concerto, foram fotografados por Loffler e incluídos no relatório. “Estão sendo analisados pela empresa contratada para a manutenção e/ ou aguardando peças”, descreveu ela.  Depósitos e cozinha do HMP foram encontrados dentro das condições estabelecidas pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). O certificado de desinsetização e o registro de controle de qualidade da água do HMP estão em dia, segundo o documento. No entanto, o prédio do HMP encontra-se sem o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB). 

O relatório afirma ainda que os resíduos produzidos pelo HMP são descartados de acordo as normas vigentes e, por fim, observa: “O Hospital não se encontra completamente operacional. As novas áreas de Enfermaria Ginecológica e Centro Obstétrico não estão em atividade”. As informações são do Correio Paulinense.

Compartilhar no Facebook
Gostei
Please reload

24 Jan 2020

A base da GM irá atender as ocorrências da comunidade com mais agilidade 

A Prefeitura de Paulínia lançou na última semana a licitação para contratação de empresa que irá fazer as adequações necessárias, para instalação da base da Guarda Municipal no João Aranha.

O espaço definido pela Secretaria Municipal de Segurança Pública será a antiga “Casa do Pão”, que fica na Praça Waldemar Perissinotto, conhecida popularmente como “Lagoa do João Aranha”. 

“Com a nova base poderemos atender as ocorrências n...

24 Jan 2020

Volume de recursos envolve investimentos em fundos líquidos, ilíquidos e estressados e representa mais de R$ 1 bilhão de reais em ativos líquidos

A política de governança corporativa, o acompanhamento diário de seus investimentos e a busca por maior qualidade na gestão acabou refletindo nos resultados financeiros do Instituto Pauliprev no ano de 2019. A autarquia previdenciária fechou o exercício com um patrimônio bruto superior a R$ 1,3 bilhão, um recorde no instituto. Esse volume de recursos en...

24 Jan 2020

Empresa opera com até 52 circulares no município e mantêm outros cinco reservas, no total de 57 veículos 

Uma ótima notícia pra população paulinense foi anunciada nesta quinta-feira (23). Mais 10 ônibus verdes chegaram a Paulínia para reforçar a frota da Terra Auto Viação, concessionária do transporte público urbano e rural da cidade. Agora, de acordo com a Prefeitura, a empresa opera nos horários de pico com até 52 circulares no município e ainda mantêm outros cinco reservas, no total de 57 veíc...

24 Jan 2020

Polícia Federal denunciou empresa pelo crime de lavagem de dinheiro no valor de R$ 2,4 milhões 

A força-tarefa da Lava Jato do Ministério Público Federal no Paraná (MPF-PR) denunciou No último dia 16, Paulo Roberto Salvador, representante e administrador da Editora Gráfica Atitude, pelo crime de lavagem de dinheiro no valor de R$ 2,4 milhões. Os crimes teriam sido cometidos entre os anos de 2010 e 2013 por meio da celebração de contratos de prestação de serviços ideologicamente falsos com o Grupo...

24 Jan 2020

As aulas são ofertadas na modalidade de Ensino à Distância (EAD) em áreas de gestão e tecnologia de informação

O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, oferece 20 mil vagas em cursos gratuitos de qualificação profissional do programa Via Rápida Virtual. As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas até o dia 30 de janeiro através do site www.viarapida.sp.gov.br.

No Via Rápida Virtual, todas as aulas são realizadas de forma online, no modelo de...

24 Jan 2020

Equipes da ROMU de Paulínia realizaram as ações policiais em diversos bairros de Paulínia

Durante operações realizadas em diversos bairros por equipes da ROMU de Paulínia, resultaram em 4 prisões em flagrante por tráfico de drogas no último fim de semana.

Na sexta-feira (17), um indivíduo foi abordado pelo bairro Jardim Amélia em posse de drogas e dinheiro, juntamente com um homem que acabara de comprar drogas com o mesmo. O indivíduo foi apresentado ao plantão policial e preso em flagrante.

Também...

24 Jan 2020

Vagas voltadas ao setor de manutenção industrial atendem às cidades de Paulínia e Sumaré

A Yara Brasil, atuante no ramo de fertilizantes, está com um processo seletivo em aberto para a contratação de profissionais em Paulínia e Sumaré. De acordo com a empresa, as vagas são voltadas ao setor de manutenção industrial.

Conforme anunciado, para se candidatar, basta se acessar o link da vaga de seu interesse e enviar o currículo diretamente no site da Yara Brasil.

Vagas em Paulínia

Mecânico Jr – Pos...

24 Jan 2020

Munícipes devem descartar corretamente os móveis, colocando os objetos na calçada apenas um dia antes da data programada

A Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos divulgou a programação semanal do "Cata Móveis", serviço que é realizado diariamente pelo "Consórcio Paulínia Sempre Limpa" em toda cidade.

A Prefeitura de Paulínia pede aos munícipes que descartem corretamente os móveis, colocando os objetos na calçada apenas um dia antes da data programada para seu bairro.

Em caso de dúvidas o...

24 Jan 2020

O "Projeto Operação Controlar" também foi estendido as seis escolas estaduais localizadas em Paulínia

A Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos desde meados de janeiro deu início ao "Projeto Operação Controlar" em todas os prédios da rede municipal de educação.

Equipes do Consórcio Paulínia Sempre Limpa estão trabalhando na limpeza das creches, EMEI's e escolas, realizando a lavagem das salas, cozinhas, refeitórios, quadras e janelas, desobstrução dos sistemas de drenagem e das calhas e...

Please reload

© 2018 Jornal de Paulínia