Jequitibá Rugby vence quarta seguida, mas está fora das semifinais do Paulista

Vitória diante da FEA em São Paulo não foi suficiente para garantir vaga e igualar a campanha de 2018



O Jequitibá foi até a Arena Paulista e fez o dever fora de casa contra a equipe da FEA. Apenas a vitória por ponto bônus interessava à equipe de Paulínia e o primeiro tempo mostrou uma equipe com vontade contra os apáticos donos da casa, sem chances de classificação ou descenso. Com o terceira linha Ulisses Correia aplicando intensidade que a defesa da FEA não conseguia freiar, o Jequitibá chegou ao primeiro try aos 9', após pegar a defesa desconfigurada para marcar com o ponta André Bezerra. Aos 17', desta vez, foi na outra ponta com o camisa 11 João Pedro Menezes, após belo avanço de Ulisses Correia. Sem conseguir defender com consistência, a FEA sofreu o terceiro try logo em seguida, aos 22' com Guilherme Jacobucci, seguido de Ulisses Correia, que merecidamente deixou a sua marca após bela exibição no primeiro tempo. O quinto try do primeiro tempo foi marcado após o tempo regulamentar por Fabrício Vimercati, com implacáveis 00x29.

A roda de intervalo da FEA foi tensa, com quatro substituições acontecendo nos primeiros 5 minutos do segundo tempo e que demonstraram mais vontade na volta. Mesmo assim, o Jequitibá estava embalado e foi o primeiro a marcar no segundo tempo, com o fullback Guilherme Lobo infiltrando a defesa dos Canhões. A FEA passou a reagir e comandar as ações logo em seguida, com o try do pilar Roger Santesso, aproveitando as investidas que a defesa adversária não conseguiu freiar. Não tardou para que Leonardo Nascimento, segundo centro da FEA, conseguisse aproveitar uma bola em disputa para correr meio campo para deixar a sua marca e ligar o alerta nos adversários aos 19'. João Pedro Menezes, aos 28', novamente crava para o Jequitibá, abafando as esperanças da FEA de virar o placar. Já perto do final, o terceira linha que começou o campeonato com tudo na artilharia, Maurício Zotarelli, voltou a deixar sua marca e decretou números finais à partida vencida pelo Jequitibá por 17x41. Com o resultado, o Cougars - que já havia cumprido todos os jogos - foi passado na classificação e saiu da zona de classificação, dando lugar para o Jequitibá.

O Jequitibá era o semifinalista até antes da partida de domingo (15) do Iguanas contra o já classificado Wallys. A vitória com ponto bônus do Iguanas tirou a vaga do time de Paulínia, que apesar de ter mostrado uma recuperação surpreendente na reta final do campeonato, não conseguiu seguir em frente na competição.