Agnaldo Francisco é ouro no Parapan no Peru

Essa é a primeira vez que um atleta paralímpico paulinense conquista medalha de ouro no Parapan


O atleta paralímpico paulinense, Agnaldo Francisco da Silva de 33 anos, conquistou na última segunda-feira (26) a medalha de ouro no Parapan-Americanos de Lima, no Peru. Essa é a primeira vez que um atleta paralímpico leva o nome de Paulínia no Parapan e, ainda garante medalha de ouro.

Agnaldo competiu na categoria 100m masculino, na prova de velocidade. Ele conquistou a vaga no Parapan devido a bons resultados que obteve no Open Internacional, realizado em São Paulo.

O atleta foi campeão paralímpico brasileiro em 2018 e já soma mais de 300 medalhas de ouro, prata e bronze conquistadas em diversas competições.

Em entrevista ao JP no mês de julho, enquanto se preparava diariamente para a competição, Agnaldo disse que já era satisfatório sua participação no Parapan mas que iria em busca do ouro, o que foi cumprido.

Agnaldo Francisco é aluno da escola de atletismo de Paulínia e tem como treinadores o professor Heliton Gibi e Sônia Russo, que o acompanharam na competição internacional.

O Parapan contou com a participação de com 1.890 atletas de 33 países, em 17 esportes. As medalhas parapan-americanas têm o símbolo do Santuário Arqueológico de Pachacamac, local histórico do Peru. Segundo a mitologia Inca, Pachacamac foi Deus do fogo e filho do Sol, criador do mundo e de todas as criaturas que habitam nele.

© 2020 Jornal de Paulínia