Loira toma posse como prefeito interino de Paulínia em Sessão Solene

Prioridades de seu governo serão os problemas que atingem gravemente a saúde, educação e segurança do município

Na manhã de hoje (04), foi realizada a 1ª Sessão Solene de posse de 2019 de Antonio Miguel Ferrari (DC), o Loira, para o cargo de prefeito interino de Paulínia.

A sessão que ocorreu as 10h, contou com a presença de autoridades que compõe a mesa do legislativo paulinense como o Diretor Legislativo Rodrigo Paiatti, e os vereadores Manoel Filhos da Fruta (PCdoB), José Soares (PRB), Xandinho Ferrari (PSD), 1º secretário Tiguila Paes (PPS) e 2º secretário Marcelo D2 (PROS).

Os vereadores Edilsinho Rodrigues (PSDB), Danilo Barros (PR), Fabio Valadão (PRTB), Marquinho Fiorella (PSB), Marcelo Souza (PRTB), Fabia Ramalho (PMN) e Xandynho Ferrari (PSD) entregaram uma carta, que foi lida na sessão, manifestando repudio à atual situação. Trechos da carta diz que o vice-presidente da Câmara, o vereador Zé Coco, não poderia convocar a sessão solene e que foram descumpridos vários itens do regimento interno.

Após a leitura das manifestações dos vereadores ausentes na sessão, foi formalizado o pedido de posse de Loira que, ficou pé para assumir o termo de compromisso de suas novas atribuições.

"Prometo guardar a constituição federal, a constituição estadual, a Lei Orgânica do município e as Leis, desempenhar fiel e legalmente o mandato de prefeito promovendo o bem geral do município, assim eu prometo", disse o novo prefeito empossado.

Logo após o empossamento de Antonio Miguel Ferrari, ouviu-se muitos aplausos de aprovação ao novo prefeito de Paulínia que, assinou o termo de posse em seguida.

Segundo a assessoria de Loira, as prioridades de seu governo serão os problemas que atingem gravemente a saúde, educação e segurança do município.

"Mesmo o mandato sendo curto, trabalharei para amenizar significativamente as deficiências do nosso município, que enfrenta problemas básicos inaceitáveis em todas as áreas, sobretudo, nas essenciais", afirmou o novo prefeito interino.

Mesmo com a cerimônia de posse de Loira realizada hoje na Câmara de Paulínia, o futuro sobre o prefeito do município segue incerto.

O 'novo prefeito interino' quer assumir a cadeira do executivo e, por sua vez, Du Cazellato que está ocupando o cargo desde novembro, afirma ter direito de desempenhar as funções atribuídas legalmente.

A população ainda não sabe ao certo quem é o seu prefeito, enquanto isso, a política em Paulínia continua instável.

(Agora Paulínia): Sessão solene de empossamento de Antonio Miguel Ferrari, o Loira.

© 2020 Jornal de Paulínia