Jovem é mantida em cárcere privado por desconhecido após tentar retornar para casa

A moça relatou ter sido vítima de estupro e terminar desacordada

No último sábado (23), Policiais Militares do 35º Batalhão de Polícia Militar prenderam um homem e libertaram uma mulher de 22 anos que era mantida trancada em uma garagem fechada com corrente e cadeado no Jardim das Oliveiras, em Campinas. Ela também teria sido estuprada.

Aos policiais, a jovem disse que na noite de sexta-feira (22) consumiu bebida alcoólica em um bar e ao retornar para casa foi abordada por um homem que não conhecia e levada ao local do cativeiro.

A mulher disse ainda disse aos policiais que o suspeito deu a ela um comprimido e um copo de aguardente. Na sequência, a moça relatou ter sido vítima de estupro e terminar desacordada. A vítima também comentou aos policiais sobre o desaparecimento de R$ 29 de posse dela. Ela foi conduzida para um hospital para exames.

Suspeito reagiu

Segundo o 35º Batalhão, ao libertarem a vítima o suspeito apareceu e resistiu à ordem dos policiais e tentou agredir os agentes da segurança pública. Após ser dominado, ele foi algemado e constatado em aberto um mandado de prisão contra ele por furto. Foi elaborado um boletim de ocorrência por flagrante de cárcere privado, estupro e captura de procurado.

Fonte G1

(Polícia Militar/Divulgação): Local onde mulher era mantida em cárcere privado em bairro de Campinas.

© 2020 Jornal de Paulínia