Operação Luz na Infância 2 cumpre mandados de busca e apreensão à suspeitos de pornografia infantil

m Paulínia, a apreensão ocorreu na casa de um homem com suspeita de navegação em sites de pornografia

Na quinta-feira (17), a Polícia Civil cumpriu mandados de busca e apreensão na região de Campinas dentro da Operação Luz na Infância 2, que combate à pornografia infantil em todo o país. A ação é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança.

No Distrito de Sousas, em Campinas, um ex-sargento da polícia foi preso em flagrante por pedofilia. Foram encontradas quase mil fotos de conteúdo de pornografia infantil na casa deste suspeito.

Ainda em Campinas, no Jardim das Oliveiras, um suspeito com mandado expedido não foi encontrado. Na casa onde ele morou foram apreendidos notebooks, um tabelet, celulares, um roteador e um pen-drive. Os equipamentos passarão por perícia.

Os policiais também apreenderam material eletrônico em Paulínia. A apreensão ocorreu na casa de um homem com suspeita de navegação em sites de pornografia. Ele será ouvido na Polícia Civil.

Em Itapira, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão e um homem de 58 anos foi preso em flagrante. Policiais civis verificaram que o criminoso havia acessado conteúdo de pornografia infantil em seu computador às 19h do dia anterior.

Mandados ainda foram expedidos e cumpridos em Hortolândia e Americana, com um preso em cada município. Na região de Piracicaba, foram 11 mandados expedidos e seis cumpridos.

Luz na Infância 2

A maior operação de combate à pornografia infantil do país prendeu 100 pessoas no país até a quinta-feira (17), segundo o Ministério Extraordinário da Segurança Pública. São cumpridos 578 mandados de busca e apreensão no Distrito Federal e em 24 estados.

A ação nacional intitulada Luz na Infância 2 é coordenada pelo Ministério Extraordinário da Segurança Pública e realizada pelas polícias civis de cada estado.

Ao todo, 2,6 mil policiais de todo o país fazem apreensão de arquivos com conteúdos relacionados a crimes de exploração sexual contra crianças e adolescentes. Suspeitos também estão sendo detidos em flagrante.

Os alvos foram identificados pela Diretoria de Inteligência da Secretaria Nacional de Segurança Pública com base em elementos informativos coletados em ambientes virtuais. A operação é realizada às vésperas do Dia Nacional de Combate à Violência e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Fonte G1

(André Natale/EPTV): Material apreendido dentro da Operação Luz da Infância II na região de Campinas.

© 2020 Jornal de Paulínia