Vice Prefeito Sandro Caprino é alvo de 'guerra política' na cidade

23.02.2018

Caprino nega irregularidades: "eu não estou infringindo nada"

 

A Câmara de Paulínia aprovou na sessão de quinta-feira (15) a abertura de uma Comissão Processante (CP) para investigar o vice-prefeito, Sandro Caprino (PRB), por suspeita de improbidade administrativa, desvio de função e quebra de decoro. Ele nega irregularidades e cita que há uma "guerra política" na cidade.

 

Em 2 de fevereiro, a 1ª Vara determinou que seja realizada uma sessão extraordinária para votação da denúncia que chegou a ser arquivada em 2017 e indica suposta troca de favores entre 13 dos 15 parlamentares e o prefeito, Dixon Carvalho (PP). Os parlamentares teriam impedido apurações da Casa sobre os contratos emergenciais da administração para os serviços de merenda e coleta de lixo, em troca de 68 nomeações de funcionários de confiança, após manobra do Executivo.

 

Vice investigado

 

Sem discussão prévia em plenário, 11 dos 15 parlamentares votaram a favor da apuração sobre a denúncia de 95 páginas contra Caprino. Ela foi feita por Márcio Rosa Santos, assessor de políticas públicas e com atuação vinculada ao gabinete do vice-prefeito desde junho do ano passado.

 

As três abstenções foram de Paes, Meschiati e Manoel Filhos da Fruta (PCdoB). O presidente do Legislativo, Du Cazellato (PSDB), só votaria caso houvesse empate.

 

Segundo texto lido em plenário, o vice-prefeito não estaria desempenhando as atividades do cargo e há oito meses recebe R$ 7,7 mil por mês sem ir ao Paço. Antes da leitura da denúncia, uma pessoa chegou a ser retirada da Casa pela Guarda, após parlamentares reclamarem de ofensas.

"Com o rompimento político entre o vice-prefeito e o prefeito [Dixon Carvalho], e com minha nomeação, o vice-prefeito parou completamente de exercer atividades e atribuições", diz a denúncia. Santos solicita que Caprino seja afastado do cargo, tenha direitos políticos cassados e que uma ação seja proposta pela Procuradoria para reaver o valor pago ao vice no período contestado.

 

De acordo com o Legislativo, a CP será integrada pelos parlamentares Fábio Valadão (PRTB), que será presidente; Loira (PSDC), secretário; e Xandynho Ferrari (PSD), como relator. A expectativa é de que eles apresentem um relatório sobre o caso em até 90 dias, para nova votação em plenário.

 

'Luto contra corrupção'

 

Ao G1, Sandro Caprino negou que tenha praticado irregularidades e mencionou que há "uma guerra política" na cidade. "[Vice-prefeito] não é obrigado a atender ninguém, não é obrigado a ir na Prefeitura. Só quando é chamado pelo prefeito para você assumir o lugar dele", ressalta.

Além disso, o vice-prefeito defendeu que mantém contato com secretários e a população.

"Legalmente não tem base nenhuma [...] Ele [Dixon] me tirou o gabinete, tirou o carro, os cargos [...] Quem fala com o povo sou eu. Eu faço isso porque sou trabalhador, eu não estou infringindo nada. É tudo mentira. Eu estou tranquilo. Eu faço muito mais do que eu deveria fazer como vice, porque eu sou funcionário do povo e estou aqui pra ajudar. Eu luto contra a corrupção", afirma.

 

O que diz a Lei?

 

O advogado Daniel Gabrilli, mestre em direito administrativo, diz que, se não houver atribuições específicas na Lei Orgânica do Município, o vice-prefeito não precisar comparecer no Paço Municipal e ele assume funções no governo apenas em caso de vacância - se o cargo do prefeito ficar vago.

 

“O vice-prefeito, como vice-governador e vice-presidente, não tem atribuições próprias [...] Todas as atribuições do governo são feitas pelo prefeito. Lógico que, definida a situação, a própria Lei Orgânica do Município pode atribuir algumas funções específicas ao vice-prefeito”, explica.

 

Em Paulínia, a Lei diz que “o vice-prefeito, além de outras atribuições que lhe forem atribuídas por lei complementar, auxiliará o Prefeito sempre que por ele for convocado para missões especiais”.

 

Impasse

 

A realização da sessão extraordinária para votação da denúncia que indica suposta troca de favores entre o prefeito, Dixon Carvalho (PP), e 13 dos 15 vereadores, continua com data incerta, informou a Câmara. O Legislativo conseguiu um efeito suspensivo para a decisão da 1ª Vara que determinava a execução dos trabalhos no dia 7 e, com isso, a expectativa é de que ela ocorra na próxima semana.

 

De acordo com denúncia enviada ao Ministério Público e considerada pelo juiz Carlos Eduardo Mendes, o Chefe do Executivo teria sido blindado de apurações em contratos da merenda e coleta de lixo, e compensado os parlamentares com manobra que resultou em 68 nomeações para cargos de confiança. Com isso, o magistrado também anulou a sessão realizada em agosto de 2017, quando foi barrada a criação de uma Comissão Processante (CP) para investigar o caso.

 

A Câmara informou que a Procuradoria da Casa entrou com recurso para pedir esclarecimentos à Justiça, e dez dias úteis para a realização da sessão extraordinária. A justificativa do adiamento é para evitar, por exemplo, descumprimento de regras internas, informou a assessoria.

 

Em nota, a Prefeitura alegou que a decisão da 1ª Vara diz respeito ao ato administrativo da Câmara e não cabe ao prefeito manifestações. Além disso, defendeu que a nomeação de comissionados foi feita de acordo com a Lei e baseada na capacidade técnica dos profissionais selecionados.

 

"Quanto ao teor das denúncias, todas já foram amplamente discutidas pelo Legislativo e permaneceu explícito que se tratam de perseguições políticas e acusações infundadas. O prefeito Dixon Carvalho segue convicto da legalidade de todos os atos praticados em seu governo e continua trabalhando ininterruptamente pelo desenvolvimento da cidade de Paulínia e por melhorias na qualidade de vida de seus cidadãos", informa texto da administração.

 

Fonte G1

 

Compartilhar no Facebook
Gostei
Please reload

13 Dec 2019

Executivo enviou o Projeto de Lei  ao Legislativo que beneficiará a população

A Câmara Municipal de Paulínia deverá aprovar ainda este ano o Projeto de Lei encaminhado pelo Executivo que permite o parcelamento de impostos em atraso com a Prefeitura de Paulínia.

O motivo da urgência da votação decorre do fato de que, em razão das eleições municipais de 2020, o programa de parcelamento deverá ser implementado pela Prefeitura Municipal ainda este ano.

Para tanto, a Câmara Municipal de Paulínia deverá...

13 Dec 2019

Nota da Prefeitura diz que está empenhada em cumprir todas as exigências legais para a entrega da ponte

A Prefeitura de Paulínia informou que a obra da nova ponte da Estrada da Rhodia, que ligará Paulínia a Campinas via Barão Geraldo se encontra em fase final de conclusão e a mitigação ambiental necessária para a CETESB, emitir a licença de operação da via está em processo de licitação, assim como a instalação do guarda-corpo.

A atual Administração disse que entende a dimensão da obra e a importân...

13 Dec 2019

Agendamentos poderão ser feitos a qualquer dia e hora da semana, não somente quando agenda estiver ‘aberta’

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) da Prefeitura de Paulínia desde outubro vem buscando organizar os serviços oferecidos aos munícipes.

O "Programa Agendamento Porta Aberta", lançado recentemente é mais um passo dado para facilitar o acesso dos paulinenses as especialidades que são encontradas nas 10 Unidades Básicas de Saúde (UBS's).

Agora os agendamentos com médicos clínicos, pediatras e...

13 Dec 2019

DER restringiu circulação pela Rodovia Tamoios, sentido litoral de Caraguatatuba


 

O Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria de Logística e Transportes, publicou na última semana no Diário Oficial do Estado a Portaria que regulamenta e restringe o tráfego de caminhões pela Rodovia dos Tamoios (SP 099) durante a temporada de verão e feriados prolongados do ano de 2020.

A Portaria passa a vigorar a partir de sexta-feira (20/12), a partir das 16h at...

13 Dec 2019

O salário inicial é de R$ 2.297,44 com carga horária de 200 horas por mês

A Prefeitura de Vinhedo abriu inscrições para concurso público que oferece 20 vagas na Guarda Civil Municipal, sendo 15 para homens, um delas para pessoa com deficiência (PCD), e cinco para mulheres. O salário inicial é de R$ 2.297,44 com carga horária de 200 horas por mês.

A taxa de inscrição é de R$ 61,00, mas pessoas inseridas no Cadastro Único do Governo Federal podem solicitar isenção. O concurso será realizado pelo Ins...

13 Dec 2019

A décima e última etapa da competição acontece a partir das 8h no Kartódromo Internacional San Marino

Neste sábado (14), o Campeonato Amigos do F400 de Kart define os campeões da temporada 2019. A décima e última etapa da competição acontece a partir das 8h no Kartódromo Internacional San Marino, em Paulínia. A entrada é gratuita e aberta ao público.

O evento também terá uma prova de demonstração da categoria KTT (motores de 125cc), uma das novidades para 2020, além da apresentação das mudanças, n...

13 Dec 2019

Objetivo é desarticular esquema de sonegação baseado na transferência irregular de créditos de ICMS

A Secretaria da Fazenda e Planejamento do Estado realizou na quinta-feira (12) uma operação para desarticular um esquema de sonegação baseado na transferência irregular de créditos acumulados de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). O objetivo é recuperar mais de R$ 90 milhões do imposto que deixou de ser recolhido aos cofres paulistas no período de 2018 e 2019.

A operação foi b...

6 Dec 2019

A Dra. Vivian Motta Biondi, FISIO DERMATO FUNCIONAL, com várias especializações, inclusive na EUROPA, está apaixonada por seus protocolos novos, que utilizam varias tecnologias em um mesmo tratamento.

Muito mais eficaz, o queridinho da vez é a tecnologia hibrida, que possui as tecnologias de ultracavitação, radiofrequência e lipoled, e já são tratamentos consagrados.

E o melhor de tudo, podemos tratar em uma mesma sessão:  

- celulite

- flacidez

- fibrose

- gordura localizada

Quando juntamos as três te...

6 Dec 2019

Passagens continuam a R$ 1 e os ônibus contarão com ar-condicionado e idade máxima de 8 anos

O Grupo Passaredo deixará de operar o sistema de transporte coletivo urbano e rural de passageiros em Paulínia. A Terra Auto Viação Transportes Ltda será a concessionária responsável por esse serviço público na cidade, segundo o Sindicato dos Rodoviários de Campinas e Região. A Prefeitura informou que cuida dos últimos detalhes da contratação.

Porém, mesmo com o fim de seu contrato emergencial com o municí...

6 Dec 2019

Fiscalização pontuou agilidade para idosos e pessoas com necessidades especiais, além de médicos presentes em todas as especialidades 

A IX Fiscalização Ordenada do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) atingiu 299 unidades públicas de saúde (UPASs, UBSs e Hospitais) de 229 municípios paulistas, no último dia 26 de outubro.  De acordo com o TCE, a fiscalização “in loco” avaliou os seguintes pontos: qualidade do atendimento; satisfação do usuário, por meio de entrevistas; controle de...

Please reload

© 2018 Jornal de Paulínia