Preconceito e desinformação dificultam combate ao alcoolismo

23.02.2018

A frequência do consumo abusivo de bebidas alcoólicas é cerca de duas vezes maior em homens (27,3%) do que em mulheres (12,1%)

 

A maioria das pessoas não sabe que o alcoolismo é uma doença. O alerta é feito pelo membro do Alcoólicos Anônimos (A.A.), Tadeu T.B., sóbrio há três anos e que faz parte do comitê de divulgação do grupo. “Existe muito preconceito e ele é originado da desinformação, acham que a pessoa que tem problema com a bebida alcoólica é por falta de caráter, de vergonha na cara, e outras expressões pejorativas que acabam utilizando”, explica.

 

No domingo (18) foi lembrado como o Dia Nacional de Combate ao Alcoolismo, data instituída para conscientizar a população sobre a doença e os prejuízos causados pelo consumo excessivo de bebidas alcoólicas. Segundo Tadeu, há diversas formas de se informar e buscar ajuda, e uma delas é o A.A. “Há linhas diferentes de buscar solução para o problema. As políticas públicas buscam a redução de danos, enquanto o A.A., por exemplo, busca a abstinência total”, compara.

 

Segundo dados da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), feita pelo Ministério da Saúde, em 2016, a frequência do consumo abusivo de bebidas alcoólicas foi de 19,1%, sendo cerca de duas vezes maior em homens (27,3%) do que em mulheres (12,1%). Considera-se uso abusivo quem ingeriu de quatro a mais doses para mulheres, ou cinco a mais doses para homens, em uma mesma ocasião dentro dos últimos 30 dias antes da pesquisa.

 

Tadeu explica que a pessoa que sofre com o alcoolismo ou sua família precisa procurar ajuda, pois há uma dificuldade muito grande na aceitação da doença. Ele contou que o pai também é alcoólatra e conseguiu deixar o vício com tratamento psiquiátrico, utilizando remédios. “Tentei essa forma e comigo não funcionou”, diz.

 

“É cultural, todas as ocasiões sociais são regadas a muita bebida. Então, a dificuldade é que, ao tirar esse momento, a pessoa não sabe o que fazer na vida, não tem perspectiva”, explicou. “Vive-se em negação por muito tempo, dar o braço a torcer é muito difícil”, diz. Mesmo depois que o alcoólatra consegue aceitar a ajuda, segundo Tadeu, o alcoolismo é um problema crônico que exige atenção para o resto da vida.

 

Fator agravante

 

O aumento no percentual de brasileiros que combinam álcool e direção também foi demonstrado pela pesquisa Vigitel. Em 2016, 7,3% da população adulta das capitais brasileiras declararam que bebem e dirigem. No ano anterior, o índice foi de apenas 5,5%. Um aumento de 32%, em apenas um ano, segundo o Ministério da Saúde.

 

O álcool pode ocasionar ou ser um fator agravante para várias doenças, tanto fisiológicas quanto psicológicas e comportamentais. “Difícil achar um alcoólico que não pensou em se suicidar”, conta Tadeu.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, o uso nocivo do álcool é um fator causal para mais de 200 doenças e condições de lesão. No mundo, 5,1% da carga global de doenças e lesões é atribuída ao álcool.

 

O importante, segundo Tadeu, é procurar ajuda, seja com o médico, o psicólogo ou com grupos como o A.A. A irmandade possui cerca de 5 mil grupos espalhados pelo país e não tem vínculos com nenhuma religião ou partido político. Informações e orientações sobre o A.A. estão disponíveis no site da organização.

 

Fonte: Agência Brasil

Compartilhar no Facebook
Gostei
Please reload

21 Feb 2020

Desde 2018, as contas eram reprovadas pelo Conselho Municipal de Saúde 

(Rede Social): Secretário municipal de saúde doutor Fábio Alves e o prefeito Du Cazellato.

Depois duas reprovações, o Conselho Municipal de Saúde aprovou na noite de quarta-feira (19) as contas do último quadrimestre (setembro a dezembro) de 2019 da Secretaria de Saúde.

O relatório apresentado pelo secretário de Saúde, doutor Fábio Alves, foi dividido em etapas e mostrou ao público presente onde e como o orçamento destinado par...

21 Feb 2020

Os governos anteriores de Paulínia deixaram de repassar ao consórcio cerca de R$ 900 mil em contribuições

A Prefeitura de Paulínia quer voltar a compor o quadro de municípios associados ao Consórcio PCJ (Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí). O município foi excluído em novembro passado, por conta dos débitos assumidos junto ao grupo. A inadimplência vem desde 2013.

Os governos anteriores de Paulínia deixaram de repassar ao consorcio cerca de R$ 900 mil em co...

21 Feb 2020

Entre os principais motivos para a reprovação das contas está o desequilíbrio entre receitas e despesas

Paulínia e outras oito cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC), tiveram as contas do exercício de 2017 reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP), segundo levantamento realizado pela Corte paulista.

As contas reprovadas pertencem às cidades de Paulínia, Americana, Artur Nogueira, Cosmópolis, Engenheiro Coelho, Itatiba, Monte Mor, Santa Bárbara d'Oeste e Santo An...

21 Feb 2020

As empresas vencedoras da licitação foram STP, Sancetur e Rápido Sumaré

A partir de 2 de março, três novas empresas passam a operar o transporte escolar oferecido pela Prefeitura Municipal de Paulínia para alunos das redes municipal e estadual de Educação.

A troca é necessária pois o contrato anterior chegou ao fim e uma nova licitação foi executada pela Administração. Com os novos contratos o investimento ultrapassa R$ 31,2 milhões, porém houve uma redução de 29% do valor esperado para esse inves...

21 Feb 2020

Serão 8 blocos de rua no total: Boca de Sissi, Beeiro, 100 preguiça, DS, Beijo, João Aranha, BR Folia e Pinguins

A administração organizou uma programação para os quatro dias de festa nos principais pontos da cidade (Centro, São José, Poli esportivo e Bom Retiro). O início da festa ocorre sábado (22) e termina na terça feira (25). Serão 8 blocos de rua no total: Boca de Sissi, Beeiro, 100 preguiça, DS, Beijo, João Aranha, BR Folia e Pinguins.
O Bloco que encerra o carnaval na cidade é Boca de Sis...

21 Feb 2020

O total abatido equivale a retirar de circulação uma frota de 920 mil veículos movidos a gasolina

A Rhodia (Grupo Solvay) fechou 2019 com um índice de 96% de redução de suas emissões de carbono no conjunto industrial químico de Paulínia, onde funcionam 27 unidades produtivas. O total abatido equivale a retirar de circulação uma frota de 920 mil veículos movidos a gasolina. A empresa vai iniciar em 2020 um investimento de R$ 20 milhões em projetos com objetivo de tornar o conjunto industrial de Pa...

21 Feb 2020

O ‘agitador’ é conhecido por ter causado tumulto nas Câmaras de Paulínia, Campinas e Valinhos

Conhecido por causar tumulto diversas vezes na Câmara de Campinas, Rodrigo Pavane,  chamado também de “VR”, provocou uma confusão na Câmara de Sumaré, na sessão da noite de terça-feira (18). Segundo os presentes, o tumulto teve início com 50 minutos de sessão, quando estava sendo debatido um requerimento para convocação de um representante da Viação Ouro Verde. Pavane ameaçou de morte os 21 vereadores da...

21 Feb 2020

Atualmente, os moradores pagam seus tributos para Americana e Cosmópolis, porém os serviços públicos essências são de responsabilidade de Paulínia

O secretário de Planejamento, Marco Ward participou na quinta-feira (20), de uma reunião na Prefeitura de Americana, para tratar de assuntos que envolvem os bairros Recanto das Águas, Marieta Dian, São Joaquim, Santa Matilde e Por do Sol, onde existem cerca de 2 mil imóveis.

Ward acompanhado de Tiago Ribeiro e Ângelo Sérgio, respectivamente secretários...

21 Feb 2020

O valor dos créditos de todas as classes arrolados na recuperação judicial é de R$ 2,045 bilhões

A Fertilizantes Heringer teve seu plano de recuperação judicial homologado pela Justiça, informou a companhia em fato relevante divulgado na noite de sexta-feira (14). A decisão foi proferida pela 2ª Vara Cível da Comarca de Paulínia.

O plano já havia sido aprovado pelos credores da empresa em Assembleia Geral, realizada em 3 de dezembro do ano passado, mas ainda aguardava a homologação.

O quadro de cre...

21 Feb 2020

As inscrições gratuitas seguem até o dia 13 de março

Na quarta-feira (19) o Governo do Estado de São Paulo iniciou o processo para contratação de Superintendentes Regionais do DETRAN-SP. Os selecionados serão os responsáveis por representar o órgão em 12 regionais do Estado (Araraquara, Barretos, Sorocaba II, São José do Rio Preto II, Marília, Campinas II, Presidente Prudente, Registro, Ribeirão Preto, Baixada Santista, São José do Rio Preto I e Sorocaba), com salário de R$ 8.280,00.

O processo...

Please reload

© 2018 Jornal de Paulínia